Tudo parece mais chato.

Era fácil arrancar sorrisos de mim quando você estava perto. Fácil de me fazer feliz. Mas agora tem um único e grande problema: Você se foi.

Você se foi e os dias ficaram difíceis, não tinha mais o que fazer durante as tardes e tudo parecia ter perdido a graça. Você adorava assistir filmes e sempre me fazia cócegas durante eles. Nós fazíamos guerrinha de travesseiros e de tudo o que era objeto “voador”, a pipoca era um deles.

Passávamos horas assistindo nossos programas preferidos, cantando e dançando as “nossas” músicas, inventando nossas próprias coreografias. Mas hoje… Hoje é estranho chegar a minha casa e ligar o computador e não ver você online. É estranho ligar o som e não conseguir dançar, estranho falar e dá eco sem obter respostas.

E hoje está sendo horrível estar sem você, está sem motivos para rir e tentar procurar outros motivos em tudo quanto é canto da casa, da rua… Do mundo.

Sai hoje por aí a fora e não vi sequer um casal tão divertido quanto nós éramos um com o outro, nenhum casal tão sincero como nós e nenhum casal que me fizesse parar e observar durante horas.

Olhei para tudo e tentei para o mundo em alguns instantes. Queria saber se dava para me comunicar através dos meus pensamentos com você e mais uma vez. Não deu certo. Eu queria saber se você ainda pensa em mim, mas talvez nunca saiba ao certo que fim você levou. Na estrada da vida, venho observando tudo atentamente para achar alguém que me chame a atenção como você chamou.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s