Você.

Você devia ter orgulho de mim, e muito. Porque passo dias tentando uma coisa que não sei se vou conseguir, talvez nunca, mas estou sempre tentando…

Faço de tudo pra não voltar atrás, escutar outros tipos de música, tipos que não me lembre de você. Paro de ver fotos nossas e excluo, mas sempre deixo na lixeira do meu computador. Eu juro que eu tento, eu sempre tento porque você me disse para tentar.

Eu vou para rua, olho outros rostos e só consigo me perguntar onde você deve estar e com quem deve estar se divertindo e sorrindo ao contrário de mim. Olho para rostos tão vazios e cheios de mistério, mas não acho nenhum tão interessante quanto o seu. Vejo casais nessas esquinas da vida e me lembro da gente.

Eu sinto o cheiro da natureza e me lembro do seu perfume, mesmo que não tenha nada a ver. Faço brigadeiro e me lembro de tudo o que você gostava de fazer quando estávamos juntos. Eu não consigo… Desculpa-me.

Você deveria mesmo ter orgulho de mim, porque eu realmente tento tirar você da cabeça. Se eu não consigo, aí o coração é quem me atrapalha. Ele não quer deixar você ir embora agora, e talvez, nunca irá deixar.

Eu tenho tentando de tudo. E tudo o que eu tento me lembra você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s